terça-feira, 30 de março de 2010


Tudo é uma questão de conveniência, perco meu tempo com coisas que nem sei o porque, só pelo prazer do que possa parecer impossivel. As pessoas mudam de lugar, mudam de opinião e mudam...mudam...

Já nem sei o que tenho sentido só sei das coisas certas que estão por acontecer, meu trabalho é minha unica certeza, poderia me perder no que sei que posso fazer, mas que me impede é a consciência.

Jogos onde perco e ganho o tempo todo, jogos de pessoas postas num tabuleiro onde se precisa passar por cima de outros jogadores para tirar eles do caminho, ou aquele que se não tirarmos o número certo ou se cairmos no lugar errado voltaremos para o começo. Tem sido assim. Não poder é tão cruel no meio de tantas possibilidades, não ter pode ser o fim se não houver outra alternativa, e eu continuo me perguntando, o que fazer?!

Eu sei o que quero mas não sei até onde posso ir com tudo isso, sei que aquelas oportunidades não irão voltar, e que as pessoas envolvidas já tomaram suas decisões futuras, sei que raramente terei aquele beijo novamente, sei que posso ouvir um não de mais um pretendente.

A decisão a ser tomada vai acabar vindo a tona, talves tudo se resolva e eu consiga chegar do outro lado do tabuleiro ou talves eu perca todas as peças e comece um outro jogo do inicio!..Esse é um risco que eu devo enfrentar!


Gracez.

sexta-feira, 19 de março de 2010


Ações estranhas, me justifiquei, confesso minha natureza não mente, eu sei, iria roubar um beijo porem me liguei, no tardar já estava perto e desvieipara o seu rosto, hoje porem foi estranho, ontem imaginei que era sonho e hoje pensei que acordei!
gracez.

segunda-feira, 15 de março de 2010


Caraa!!! Quanta coisa acontecendo ao mesmo tempo, milhares de informações em tudo quanto é lado, links e mais links...mitos, verdades, opiniões.

Como um amigo meu disse, "as vezes um charuto, é só um charuto!"

Percebemos que todas as historias que estamos estudando estão se casando ao decorrer da pesquisa, ou sera que nós que estamos querendo fazer isso?!

Estou adorando ter acesso a coisas novas, estou estudando sobre Bauman, estou adorando ainda mais que o cara faz aniversario no mesmo dia que eu né?!...Então mil pontos pro cara...ah lokaa!

Com esse trabalho em andamento estou estudando não só a vida e a identidade de Carrol ou de Bauman ou de Michael ou de Alice ou seja lá os personagens que fazem parte desse nosso estudo, mas a minha identidade, estou descobrindo muita coisa a meu respeito, e isso está sendo fantástico, está abrindo a minha mente para as coisas que eu quero fazer muito naturalmente, agradeço a galera so Teatro Sarcáustico pela oportunidade de estar dentro de um projeto tão maluco e prazeroso de fazer!!!

Uhuuuu muito trabalho esse anooo....Merdaaa pra nós!


Gracez

quarta-feira, 3 de março de 2010


Depois de pensar muito sobre diversas possibilidades sobre a atitude das pessoas envolvidas nessa confusão protagonizada por mim, cheguei a conclusão de que não adianta adiar o que esta prestes a acontecer.

Tomei a atitude que acho que não deveria ser tomada por mim, mas dei a cara a tapa e pus um fim na angustia que sentia, compreendo o outro lado da moeda porque já fui o outro lado.Saber que não foi o suficiente e que foi apenas mais uma história são forte demais, para os fracos isso seria o fim, para mim é só o começo, é onde eu começo a me divertir, comparando-me ao coringa que sente prazer em desafiar, conquistar, mesmo que acabe com as mãos vazias, só pelo prazer da experiência...Mãos vazias?!...Isso não acontece para os bons jogadores!

A questão é nunca ter foco no que se perdeu, e sim no que se pode aproveitar dessa história, ficar se remoendo é só pra dar depressão e isso os jovens tem se dedicado muito, meu objetivo é ter foco no que eu pude aproveitar, ver o lado bom das coisas, ser adulta o bastante para entender que foi bom enquanto durou e vai ser melhor ainda tendo os dois lados acertados!

A vida continua, ainda tem muita água pra rolar, e o jogo só acaba quando eu colocar a ultima carta e GANHAR!

(até rimou..hehehe..)


Gracez